Kombo Candidato

Confira o significado dos jargões mais utilizados no mercado de trabalho

O empowerment é essencial à motivação dos talentos? A empresa está precisando de uma reengenharia? As consultorias de outplacement ganharam destaque com a crise?

Você já deve ter se questionado o que executivos e, principalmente, os profissionais de Recursos Humanos querem dizer com os termos complicados que costumam utilizar. Pensando nisso, o portal InfoMoney consultou um especialista em RH, o presidente da ABRH-Nacional (Associação Brasileira de Recursos Humanos), Ralph Arcanjo Chelotti, sobre o significado dos jargões mais utilizados no mercado de trabalho.

Os jargões e seus significados

Confira os termos mais usados no mercado de trabalho e seus significados, de acordo com explicação de Chelotti:

Talentos: o termo se refere a profissionais que demonstram ter algo de especial, características que o diferem da maioria de seus colegas. São as pessoas que fazem a diferença na trajetória das empresas, que superam as expectativas de seus superiores e sempre trazem inovação;

Competências: a palavra é comumente usada na captação de talentos e diz respeito às capacidades de cada profissional. As competências podem ser emocionais (facilidade para trabalhar em equipe, liderar, enxergar além, ser proativo) ou técnicas (domínio de conhecimentos específicos, como fluência de algum idioma). Cada empresa demanda determinadas competências, conforme as atividades que desenvolve;

Empowerment: significa delegação de poder, principalmente para motivar e desenvolver os profissionais. “Empowerment tem a ver com o compartilhamento de responsabilidades entre aqueles que têm capacidade, dando oportunidades e reconhecendo o trabalho realizado”, diz o presidente da ABRH-Nacional;

Hierarquia: diz respeito à organização dos cargos e tem a ver com subordinação. De acordo com Chelotti, o termo é cada vez menos usado nas empresas, que estão optando por enxugar os cargos e, em alguns casos, acabar com a hierarquia, em prol da motivação e retenção dos talentos;
Remuneração variável: a remuneração de um profissional é variável quando este recebe um adicional ao salário, como um bônus pelo alcance das metas;


Reengenharia:
reestruturação para mudar os processos na empresa, em busca de mais competitividade e de um custo menor. Basicamente, a organização continua fazendo o que sempre fez, mas de uma forma diferenciada;

Outplacement: é o nome dado à prestação de serviço de recolocação profissional. Ocorre da seguinte forma: a pessoa que busca nova oportunidade no mercado de trabalho contrata uma consultoria de outplacement e paga pela recolocação.

Fonte: Por Karin Sato – InfoMoney em http://www.administradores.com.br/noticias

02/Apr Carreira 0 comentário
Esse post ainda não possui comentários.
Deixe um comentário

Os campos marcados com um asterisco * são de preenchimento obrigatório

Últimos posts
[E-book] Seu currículo campeão 22/05/2017 - Nenhum comentário
Você vai continuar desempregado! 13/05/2017 - Nenhum comentário
Cursos e treinamento de coaching gratuitos! 09/07/2015 - 2 comentários