Kombo Empresa

O futuro das consultorias de RH

Quem trabalha com gestão de pessoas sabe que gerir pessoas é – e precisa ser – algo contínuo e não pode ter um começo, meio e fim ou ser passageiro. É preciso fazer e melhorar continuamente!

Ao longo de vários anos, profissionais de RH perceberam que poderiam utilizar suas experiências na área para empreender prestando serviços de RH. Desta forma, criaram-se basicamente 3 segmentos: implantação de RH e cargos e salários, recrutamento e seleção e treinamentos em geral.

Isso fez também com que o mercado se confundisse ao ouvir falar em gestão de pessoas. É comum ver empresários achando que empresas de consultoria de RH fazem só recrutamento e seleção e a mesma confusão ocorre com os candidatos, que acham que toda empresa de consultoria de RH é uma agência de empregos.

O fato é que, por acabarem atuando de maneira pontual, agindo conforme a necessidade do cliente, acabam apenas apagando incêndios e raramente conseguem fazer um trabalho contínuo de RH. E, normalmente onde acaba sendo um ponto de “dor” nas empresas é o recrutamento e seleção! Não é à toa que foram abertas tantas empresas de recrutamento e seleção nos últimos anos, por conta da grande demanda de vagas que se tinha até meados de 2015.

Um outro exemplo de atuação, é a implantação de RH nas empresas. Durante este processo de implantação, normalmente, parte do conhecimento é transferido para algum colaborador interno da empresa que ficará responsável por dar continuidade na área de gestão de pessoas da empresa. A consultoria conduz o processo do início ao fim, capacita os responsáveis e sai. Sai, porque a implantação e o projeto termina. Temos exemplos de alguns profissionais que, depois de um trabalho bem feito, são contratados pela empresa para serem o RH interno, mas que geralmente, acaba não dando muito certo. Muito, pelo espírito empreendedor deste profissional, que gosta e busca ser desafiado constantemente.

O que acontece depois?

A empresa continuará suas atividades, já a área de RH não será a mesma em algum tempo, salvo em alguns casos em que o responsável interno consegue dar continuidade e melhorar o que foi feito (melhoria contínua) ou o consultor acaba sendo incorporado/contratado.

Do lado da consultoria, antes de terminar o projeto ela terá que ter prospectado novas empresas para implantar o RH, caso contrário, corre o risco de ficar sem trabalho.

Onde está o problema destes modelos, afinal tantas consultorias trabalham desta forma?

Os 3 segmentos citado anteriormente, exigem um grande esforço comercial, outro esforço para a execução e acompanhamento, o crescimento e os ganhos são limitados à disponibilidade de tempo e recursos, ou seja, é muito complicado escalar o negócio. E as que trabalham com recrutamento e seleção, ainda dependem do mercado estar contratando, ou seja, existirem vagas para recrutar e selecionar.

Qual o futuro para as consultorias de RH?

Fazendo a terceirização (outsourcing) do RH das empresas!

Porque é o futuro?

Porque é o que tem acontecido com várias áreas como: informática (TI), marketing, publicidade, comercial, financeiro, controladoria, jurídico, contabilidade e outras. E os motivos que levam a empresa a querer terceirizar são vários, mas destacamos alguns deles:

  • Economia: terceirizar é mais barato do que contratar o profissional interno (CLT);
  • Disponibilidade: está contratando uma empresa (RH terceirizado) que não fica doente ou tira férias;
  • Segurança e agilidade: está contratando uma empresa e não uma pessoa;
  • Atualização e foco: pode focar no seu negócio e não se preocupar com o RH;

E para o RH terceirizado é um ótimo negócio porque oferece fidelização do seu cliente, receita recorrente mensal, facilidade de entrada/adesão de clientes (menor ciclo de vendas), possibilidade de incremento de receita (upselling), aumento do tempo de vida do cliente e escala do negócio.

estratégia consultorias do futuro
Vamos a um exemplo: Imagine um cliente desta consultoria, que depois de várias semanas/meses negociando fechou a implantação da área de gestão de pessoas e a consultoria, cobrou R$ 20.000,00 pelo projeto e parcelou o pagamento em 4 parcelas, mesmo que o cronograma de execução foi previsto para 6 meses.

estratégia-antiga2

Principais desafios desta estratégia:

  • Entregar dentro do prazo: é difícil, pois depende de disponibilidade de vários envolvidos no processo e entregar fora do prazo, pode significar prejuízo financeiro;
  • Ciclo de venda demorado: para fechar um projeto destes são necessários vários meses de negociação, reuniões e conversas;
  • Risco de não resolver o problema: sabe-se que nem sempre a empresa está preparada (madura) para arcar com as consequências e extinguir a área tempo depois – temos vários exemplos disso;
  • Venda de horas: isso significa limitação de receita e projetos;
  • Tempo de vida do cliente: a empresa permanece cliente (gerando receita) até terminar o projeto apenas;

Agora, o mesmo cliente sendo atendido no formato de terceirização do RH. Este cliente está pagando um valor de terceirização fixo mensal de R$ 500,00 que inclui a criação e manutenção das descrições dos cargos, criação e manutenção do regulamento interno, divulgação das vagas e encaminhamento de todos os currículos recebidos, avaliação de tempo de experiência, entrevistas de desligamento e integração dos novos colaboradores na equipe. Isso vai exigir um pouco mais de trabalho no início e depois transforma-se em manutenção. Nos meses de fevereiro, junho, outubro e dezembro a empresa solicitou que o RH terceirizado fizesse a avaliação comportamental dos candidatos selecionados pelo cliente (porque ele não sabia fazer isso) e o RH terceirizado cobrou R$ 500,00 para cada 5 candidatos avaliados; e de maio a outubro – depois de conhecer a empresa desde janeiro e saber que estava madura para isso – executa a criação do plano de cargos e salários da empresa, cobrando R$ 12.000,00 para isso, parcelados em 6 vezes. No final de 1 ano, este cliente gerou os mesmos R$ 20.000,00 de receita, porém, ao final de 1 ano a empresa continua cliente e gerando, no mínimo R$ 500,00 de receita mensalmente, ou seja, serão pelo menos mais 6.000,00 para o próximo ano garantidos, sem ter que prospectar novos clientes.

estratégia-nova2

Considerações importantes da estratégia:

A negociação foi muito mais rápida, pois o valor de “entrada” é bem inferior ao do projeto, mesmo que ele venha a gastar bem mais até o final de 1 ano. O RH terceirizado teve tempo para compreender e preparar a empresa para a criação do plano de cargos e salários  e isso fez com que pudesse cobrar um valor até abaixo do mercado e mais competitivo, tendo em vista que a empresa já é sua cliente. O serviço de avaliação comportamental (extra), é um exemplo de fidelização e compreensão do papel do RH terceirizado. Ao final da criação do plano de cargos e salários, o RH terceirizado continua o seu trabalho dando manutenção do plano, criando novos cargos (quando necessário), selecionando pessoas de acordo com a cultura da empresa, conduzindo os processos de avaliação de desempenho, treinamentos, etc e ganhando por isso. O tempo de vida do cliente, vai depender do RH terceirizado dar continuidade no trabalho e mostrar para seu cliente que um RH estratégico é capaz de proporcionar resultados extraordinários para seu negócio!

estratégia consultorias do futuroConseguiu compreender a diferença? Vou fazer uma analogia, para ajudar: Toda empresa (pequena, média ou grande) precisa de um contador para “assinar” a sua contabilidade. Devido a pouca demanda de trabalho, custos, encargos trabalhistas e vários outros fatores, a maioria das pequenas e médias empresas acabam terceirizando esse trabalho com um “escritório de contabilidade”. Agora, imagine que a consultoria de RH é esse escritório de contabilidade, mas ao invés de cuidar da contabilidade vai cuidar do RH das empresas. Simples assim!

Para ter uma idéia de ganhos, imagine 10 empresas pagando mensalmente R$ 400,00 para o “RH terceirizado”. Isso representa uma receita mensal de R$ 4.000,00, faça chuva ou faça sol, para o RH terceirizado! E ainda terão os serviços extras, que a empresa irá pagar de acordo com a sua demanda. Agora, imagine escalar isso e ter 30, 50, 100 clientes!

Interessante não é? É exatamente o que os escritórios de contabilidade fazem à muitos anos! Mas tem um detalhe importante: sem tecnologia esse modelo não funciona, pois somente com a tecnologia é que pode-se cobrar pouco (inicialmente), informatizar processos operacionais e escalar o negócio!

Essa é a função da Kombo, desenvolver tecnologia para gestão de pessoas. Neste caso,  possui um sistema (plataforma) que automatiza processos operacionais da gestão de pessoas, para que o RH terceirizado (consultoria) possa fazer a terceirização do RH de outras empresas! Tudo online, organizado, centralizado e sob o controle do RH terceirizado. É possível experimentar por 3 meses sem fidelidade!

Se você achou interessante este modelo de negócios para consultorias, clique no banner abaixo e entre em contato conosco para que possamos agendar uma apresentação. Na apresentação você vai conhecer mais detalhes deste modelo que já está revolucionando a prestação de serviços de gestão de pessoas no Brasil.estratégia consultorias do futuro

 

28/jun Consultoria
Destaque
Estratégias
Kombo na mídia
Produtos Kombo
RH
4 comentários
  1. Gostaria de mais informações sobre seu sistema para empresas de RH.

    Comentário by JUCIEL FERREIRA DE SENA — 28 de junho de 2016 @ 19:34
  2. Venho parabenizá-los sobre o artigo “O futuro das consultorias de RH”, sugeriu-me ótima ideia e tomada de ação, que diga-se de passagem, acabei de agir contatando alguns clientes, e que vem ao encontro de meu trabalho.

    Parabéns

    Cristina Bueno
    29/06/2016

    Comentário by Cristina Bueno — 29 de junho de 2016 @ 9:07
  3. A terceirização do RH será a nova tendência, e acredito fortemente nela.

    E para nós profissionais da área é extremamente importante termos ferramentas que facilitem todo o processo de implantação.

    Ferramentas de qualidade, nas quais possamos confiar para nos auxiliar nesses processos.

    Parabéns pelo artigo (marketing)!

    Sucesso!

    Comentário by Karina Rodrigues — 29 de junho de 2016 @ 21:20
  4. Entraremos em contato com você, para agendar uma apresentação on-line. Se quiser, pode nos adicionar no seu Skype para conversarmos e agendarmos: prevendas1_kombo

    Comentário by Administrador — 30 de junho de 2016 @ 15:09
Deixe um comentário

Os campos marcados com um asterisco * são de preenchimento obrigatório

Últimos posts
Como automatizar a divulgação de vagas nas redes sociais 24/10/2017 - Nenhum comentário
Calculando o custo do recrutamento e seleção 31/08/2016 - Nenhum comentário
4 motivos para não receber currículos por e-mail 21/07/2016 - Nenhum comentário