Kombo Empresa

4 motivos para não receber currículos por e-mail

4 motivos não receber currículo

Receber currículos por e-mail tem sido uma prática comum entre recrutadores e empresários em busca de pessoas para trabalhar, mas é uma prática que inspira cuidados, pois pode trazer transtornos e não ser a melhor forma de fazer um recrutamento.

São muitos os motivos, mas listamos aqui os 4 motivos principais pelos quais o recrutador deveria pensar 2 vezes antes de informar o seu e-mail para que as pessoas enviem seus currículos, quando estiver contratando.

1) SPAM e vírus
É muito comum pessoas mal intencionadas utilizarem esses e-mails para enviarem SPAMs e espalharem vírus, pois passam a ser endereços conhecidos e disponibilizados na internet abertamente.

Inclusive está ficando comum enviarem e-mails com assunto “RES: Segue anexo meu currículo atualizado” e o anexo ou no corpo tem um link que são vírus! Muito cuidado!

2) Gestão e organização
Como ficará a caixa de e-mails do recrutador (ou do RH) ao receber 100 currículos por dia? Some a isso, a possibilidade do candidato enviar mais de uma vez o seu currículo para a mesma vaga! Receber 10 currículos no e-mail é uma situação controlável, mas e receber 100, 200 ou até mais?

Alguém vai ter que acabar abrindo e-mail por e-mail, arquivo por arquivo para descobrir e organizar tudo e esse alguém será o recrutador (provavelmente você)!

E, mesmo depois da vaga “fechar” você continuará recebendo currículos – a menos que sejam apagadas todas as publicações realizadas! Não tem como “fechar” essa porta de entrada (e-mail), pois qualquer pessoa pode lhe enviar um e-mail, se for um e-mail válido/existente.

3) Seleção (filtros e busca)
Imagine que o recrutador recebeu 200 e-mails de candidatos para uma vaga e ele precisa chamar algumas pessoas para uma entrevista, por onde começar? Por ordem de recebimento (fila), por sorteio (aleatório) ou por relevância (quem tem mais características que se busca)?

A “fila” é a mais tradicional e normalmente utilizada, por ser a que consome menos tempo para a seleção. Mas é a mais eficaz? E se o currículo mais relevante de todos estiver mais no final da “fila”?

Pensando na “relevância”, quanto tempo seria necessário para separar os 10 currículos mais relevantes para a vaga, dentre 200 recebidos? Quanto custaria (tempo e dinheiro) isso?

E ao terminar esse processo seletivo (contratando ou não alguém), o que fazer com todas as informações coletadas dos candidatos: currículos impressos, observações da entrevista, resultado de testes  e outros?

Não é eficaz levantar uma quantidade de informações, receber milhares de currículos, se quando precisar de alguma informação ou currículo, demorar para encontrá-la ou nem conseguir.

Existe uma ferramenta que calcula em segundos a relevância de todos os currículos recebidos na vaga. Clique aqui se quiser saber mais.

4) Informações incompletas
Talvez um dos problemas mais frequentes: o candidato não colocou seus telefones e preciso falar com ele e agora?! Não informar telefone para contato, experiências, objetivos ou até escolaridade, são muito frequentes.

É preciso garantir que a pessoa, pelo menos, informe dados mínimos necessários para concorrer a uma vaga e que permitam ao recrutador fazer uma breve análise.

Nossa sugestão simples e eficaz para isso (bônus):

Criar uma área de trabalhe conosco no site da empresa e trocar o e-mail das divulgações, pelo link do site da empresa.

Mas por onde começar?

Crie uma área de trabalhe conosco em seu site, onde qualquer pessoa possa ter acesso e cadastrar – apenas 1 vez – seu currículo, mas possa atualizá-lo sempre que quiser. Nesta área, liste as vagas (se tiver alguma aberta) e permita que os interessados possam se candidatar – apenas 1 vez – nas suas vagas.

Temos ferramentas para isso e uma delas é gratuita! Clique aqui para conhecê-las.

EM TODAS SUAS DIVULGAÇÕES (em redes sociais, por e-mail, etc) troque o endereço do seu e-mail pelo endereço do trabalhe conosco do seu site!

E quando quiser divulgar uma vaga, conte conosco. As nossas ferramentas (sistemas) estão integradas com o nosso portal de empregos (www.komboempregos.com.br) que tem milhares de acessos diariamente, além de estarem integradas com outros parceiros, como indeed, trovit, adzuna e outros. Menos trabalho para você e mais eficiência.

Nossas ferramentas auxiliam os recrutadores nos processos de recrutamento (divulgação da vaga e recebimento de currículos) e também na seleção e organização das informações e processos.

Isso significa que, nem sempre receber uma grande quantidade de currículos é garantia de um bom processo seletivo.

21/jul Artigos
Destaque
Estratégias
0 comentário
Esse post ainda não possui comentários.
Deixe um comentário

Os campos marcados com um asterisco * são de preenchimento obrigatório

Últimos posts
Calculando o custo do recrutamento e seleção 31/08/2016 - Nenhum comentário
4 motivos para não receber currículos por e-mail 21/07/2016 - Nenhum comentário
O futuro das consultorias de RH 28/06/2016 - 4 comentários